Roberto Carlos


É no mínimo curiosa a reação da imprensa após a volta de Roberto Carlos ao futebol brasileiro. Atuando no Corinthians, clube que tem claramente um grande ‘apoio’ da imprensa paulista (especialmente dos comentaristas-torcedores), ele vem recebendo elogios após cada atuação, gol, falta cobrada, entrevista, passe errado….

Curioso, muito interessante pra ser sincero. Quem estava vivo e consciente em 2006 deve-se lembrar que a imprensa não era tão elogiosa com ele. Após aquela eliminação (do meião, lembra-se?), boa parte dos “formadores de opinião” que compõe nossa culta imprensa esportiva execraram o lateral esquerdo.
Velho, lento, seus melhores dias passaram, não pode ser mais titular de uma seleção brasileira, renovação.
Será que nossos amigos jornalistas que o execraram (junto com Cafu) se lembram disso? Porque hoje, sempre, ouço algum comentarista ou narrador pedindo a volta de RC à lateral esquerda da seleção. Curioso que esse clamor por RC aumentou muito depois da Copa de 2010. Mas, se RC era velho em 2006, o que dizer dele em 2011? E em 2014?
A minha opinião é simples: RC não deveria ter saído da seleção. Se era para haver alguma renovação, deveria contar com o apoio dele. Depois de uma década de titularidade absoluta na Seleção Brasileira ele deveria ter servido como exemplo de atleta para os postulantes à vaga.
Não sei se ele aceitaria, mas era o que eu teria feito. A mudança deveria ser gradativa, afinal, havia 4 anos para a Copa e aqui nessa país tropical, a única coisa que motiva a maioria dos torcedores é a Copa do Mundo.
E sobre o gol de domingo, sem comentários. Poucas vezes vi um jogar chutar uma bola com tanta facilidade, e me refiro ao Roberto Carlos desde o início da carreira, não somente ao lance contra a Lusa.
Flamengo
Ronaldinho pediu um tempinho, o Flamengo tem T.Neves e Bottinelli, acho que ainda é pouco. Não consigo ver o Flamengo como uma equipe, não há equilíbrio nos setores do time. Excelentes jogadores ao lado de pernas de pau. Muita coisa tem que melhorar se o objetivo é ser campeão brasileiro. Se o objetivo for ser campeão Carioca, tá bom.
E ainda tem o Luxa.
Pra falar a verdade, acho que minha dificuldade em ver o Flamengo como uma equipe está no treinador. Ele falhou miseravelmente nos últimos anos e a última conquista relevante dele já faz tempo. Muito pouco pro salário absurdo que o Manager Luxa recebe, não?
Neymar
Me recuso a escrever sobre Neymar, basta ver uma partida com ele inspirado pra saber o tanto que ele joga.
Mas tenho uma pergunta, que me veio a cabeça após ver Denílson comentando o jogo da seleção na Band: Conseguirá Neymar corresponder as expectativas? Denílson não conseguiu, e ele surgiu exatamente com a mesma histeria de Neymar, lembram-se?
E mais uma coisa: Neymar precisa se preparar psicologicamente. Desconsiderando o fato que o intelecto da criança não é seu forte, Neymar precisa jogar com mais inteligência e se preparar, pois ele apanhará muito (literalmente) durante a carreira.
Amanhã
Se o tempo me permitir publicarei uma coluna muito agradável amanhã, se chamará Colírios. Se não, publicarei na quinta.

One thought on “Roberto Carlos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s