O calvário do Liverpool e algo mais


Nem a volta de King Kenny Dalglish parece melhorar a situação do Liverpool. A chegada do ex-jogador, ex-jogador treinador e ex-treinador do Liverpool encheu a torcida de esperança. Sempre, desde sua saída no início dos anos 90, a torcida se lembrava de Dalglish quando algum técnico balançava no cargo.

A imagem de vencedor, construída depois de 3 Ligas dos Campeões e 8 títulos Ingleses (para ser bem breve), fez com que seu nome fosse praticamente exigido pela torcida depois da saída de Rafa Benítez. Mas Tom Hicks, antigo dono do clube, preferiu escolher Roy Hodgson, eleito pela imprensa inglesa o melhor treinador da temporada. Sua escolha foi precipitada. Hodgson tem um histórico não muito vitorioso, seu maior feito foi ser campeão sueco no início da década de 80 e ter levado o  Fulham à final da Europa League.

O fato é que Hodgson herdou uma equipe esfacelada. Rafael Benítez falhou miseravelmente tentando construir uma equipe vencedora. A verdade é que depois daquela final mágica de 2005, Benítez alternou bons e maus momentos, principalmente no relativo a sua política de transferências, já que ele contratou um número absurdo de jogadores, muitos deles a preços exorbitantes e que deram poucos resultados. Os torcedores ‘anti-Benitez’ sempre alegam, ao falar da final de 2005, que aquele time ainda era o time construído por Gerrard Houllier. O que é verdade.

Depois de uma excelente temporada 2008-09, quando o Liverpool lutou até o fim contra o Manchester United, as expectativas ficaram muito grandes. Assim como o ego do Mr.Benitez. Falou muito e fez pouco. As fragilidades do elenco, escancaradas após a saída de Xabi Alonso, fizeram pela primeira vez a torcida questionar a qualidade do espanhol. Mas já era tarde demais.

Hoje o Liverpool é uma equipe com alguns bons jogadores, 2 estrelas cadentes e um ajuntado de jogadores que não deveriam estar ali. Pra piorar, a equipe, visivelmente, tem um problema sério de confiança. Hodgson não conseguiu imprimir nenhum padrão tático na equipe, parecia que os jogadores estavam jogando por conta própria. A personalidade calma, quieta e complacente de Hodgson não ajudou.

Dalglish veio para dar uma sacudida na equipe e acredito que de certa maneira ele conseguiu naquele jogo contra o Manchester United na FA Cup. Mas era fogo de palha, vide a derrota para o Blackpool e o empate contra o Everton. O Liverpool não jogou mal, mas também não jogou bem. Ficou no limbo, onde tem estado já há um bom tempo.

Contratar jogadores, mexer com o brio de quem já está lá e principalmente se livrar de jogadores que não merecem vestir a camisa do Liverpool são as missões de Dalglish. Uma tarefa árdua, visto que nem ele próprio sabe se será o treinador para a próxima temporada. É esperar pra ver.

Estaduais

Sei que muita gente gosta, acompanha, mas não me empolgo mais com os estaduais. Assiti ontem o jogo do São Paulo contra o Mogi Mirim (com o “jênio” Neto) somente porque não passava nada mais interessante na TV. Jogo fraco e que não serve como parâmetro pra nada. Pra falar a verdade o São Paulo e outros grandes devem levar o início dos estaduais como amistosos valendo 3 pontos. Ou vai me dizer que a derrota do Internacional para o Cruzeiro de POA vai mudar alguma coisa no Beira-Rio?

NBA

Para quem acompanha a NBA, preste atenção no calouro Blake Griffin, do LA Clippers. Eleestá jogando muito, tem médias espetaculares em sua primeira temporada na NBA e sempre tem alguma enterrada entre as 10 melhores jogadas do dia. É um show ver esse menino jogar. E ainda estará no Campeonato de Enterradas do All-Star Weekend. Showtime!

Colírio

Domingão a toa, vi uns pedaços do Belas na Rede ontem, na RedeTV,apresentado pela Paloma Tocci. Sou fã dela, desde o primeiro dia que a vi na Band, como repórter (paixão a primeira vista?😀 ) Pra falar a verdade só assisti por causa dela. Porque aguentar a tal Milene Domingues é dose viu….

Mais pra frente vou falar mais sobre algumas musas do esporte, porque ficar escrevendo sobre cuecas todo dia cansa né.

One thought on “O calvário do Liverpool e algo mais

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s